segunda-feira, 11 de abril de 2011

Como foi o I EEBP-PR segundo Sérgio Telles do RioBlogProg


Sem dúvida foi muito prazeroso e uma experiência extremamente válida ir ao Encontro Estadual dos Blogueiros Progressistas do Paraná, realizado nesse último final de semana no Hotel Trevi, em Curitiba.

Para começar, a escolha do local foi extremamente feliz e peculiar. O Hotel Trevi tem enorme tradição de recepcionar políticos e movimentos sociais, fica a 100 metros da Boca Maldita, que é o ponto de encontro histórico da militância curitibana, e muito próximo ao centro histórico da cidade, no Largo da Ordem, que propiciou momentos “informais” de convivência muito bons sem nenhum grande esforço dos participantes.

Houve uma decisão do coletivo da organização de encarar o encontro como um evento não-público, e por isso não houve transmissão ao vivo. O maior receio é de que os grupos políticos locais, que travam uma dura batalha com diversos dos blogueiros, com censuras, processos e ameaças, poderiam se aproveitar das falas, editá-las e usá-las contra os blogueiros. Trata-se de uma decisão a se respeitar, por conta do contexto local.

O que vou relatar aqui pode ser conferido no Twitter com a pesquisa da tag #paranablogs, que relata tudo que se passou no local. Como sempre, surgiu um troll pra encher o saco, eles nunca conseguem ficar sossegados, a inveja é complicada.

Ao chegar no hotel no sábado, um caminhão de som com uma enorme faixa “SEJA VOCÊ MAIS UM BLOGUEIRO”, anunciando o evento e o site do movimento, encontrava-se na porta do hotel e fazia voltas pelo Centro de Curitiba, divulgando o evento para as pessoas da região. Uma pasta escolar com a belíssima logo do evento trazia materiais bastante interessantes, como uma pequena apostila com materiais importantes para os grupos do domingo (também está no blog do encontro do Paraná), a programação e a minuta da carta dos blogueiros progressistas do Paraná.

No sábado, ocorreram 2 debates, com confortável espaço para a participação dos cerca de 42 presentes. Pela manhã, com representantes da TVT e da Telesur, discutiu-se a importância de instrumentos como TV´s e rádios públicas, dos trabalhadores e comunitárias num processo conjunto com os internautas no sentido de democratizar a comunicação. Ao meio-dia, munidos de balões verde-amarelos, todos foram convidados a seguir o cortejo atrás do caminhão de som para o enterro do “Caixão 2″, em protesto contra a censura ao Blog do Esmael, feita pelo governador Beto Richa. Descemos até a XV de Novembro, o calçadão de Curitiba, na Boca Maldita, e lá em roda, foram feitas falações, inclusive com uma surpreendente adesão de um radialista da Globo AM local que deu espaço ao Esmael em solidariedade ao companheiro censurado, e depois foram soltos os balões, um belo encerramento de um ato muito apropriado. À tarde, Miro pelo Barão de Itararé e o Vitor do NPC (Núcleo Piratininga) fizeram ótimas exposições sobre as necessidades e evoluções do movimento, objetivos, missões e visão. O debate foi muito intenso, pude também dar algumas contribuições, foi um debate realmente muito rico. Pra fechar o dia, cerca de 10 integrantes, incluindo o pessoal do NPC, estivemos em um excelente restaurante típico alemão, papo muito agradável regado ao drink “submarino” e aos fálicos salsichões que fizeram a alegria dos presentes.

No domingo, o debate matutino foi sobre o panorama local e a atuação dos blogueiros. Após o almoço, dois grupos debateram 7 temas propostos mais a Carta dos blogueiros progressistas do Paraná, muito bem redigida e uma ótima iniciativa. Importantes questões foram levantadas e serão divulgadas no fechamento a ser dado pela organização do encontro.

Pouco antes do final me retirei por conta do meu horário de voo, com a impressão de que o Paraná está muito bem articulado e preparado para produzir e disseminar conteúdo alternativo de qualidade, necessário para a consolidação das instituições democráticas de nosso país. Um abraço a todos os amigos do Paraná e espero reencontrá-los em muitas outras oportunidades. Foi mais um momento mágico tal como vivi em São Paulo em agosto, em Brasília em janeiro e em alguns momentos que já aconteceram aqui no Rio, como o debate em dezembro. E mais, aproveitar para conhecer um pouquinho dessas cidades cercado de companheiros de ativismo é uma maravilha, é o “turismo blogueiro” que espero que se torne cada vez mais comum, uma das maneiras de curtir a nossa credibilidade e nossa ampla rede de contatos.

Semana que vem teremos o encontro de São Paulo, no final do mês o daqui do Rio, mês que vem no Rio Grande do Sul e Ceará, em junho o nacional em Brasília, que pelas palavras do Miro será histórico, espero que muitos que ainda estão em dúvida, de todo o Brasil, façam o esforço de participar. Conhecer realidades distintas e reforçar os laços de amizade virtuais, transformando-os em reais, além de conhecer novas pessoas, é fundamental para uma produção cada vez mais elaborada e o estabelecimento de redes cada vez melhor estruturadas e desenvolvidas.

Um grande abraço a todos e até São Paulo, na sexta-feira! (OBS: estarei lá sábado).

Por Sérgio Telles, do RioBlogProg


FIM


Nenhum comentário: